Resenha - Livro Jornalismo 2.0 Como sobreviver e prosperar


Oi gente! Saudades de vocês!!

Esta semana, o livro que escolhi para ler, tem tudo haver com o meu projeto de vida:  Jornalismo digital.
A leitura do livro Jornalismo 2.0 - Como sobreviver e prosperar, do autor Mark Briggs traz dicas, orientações para aqueles que precisam sobreviver nesta nova era da informação, o chamado Jornalismo 2.0.
A internet tornou-se uma espécie de porta -voz absoluto de conhecimento, informação. Quanto mais aprendemos, mais fascinados ficamos.
Adorei a temática apresentada. De fácil leitura, o autor consegue transmitir aquilo que se almeja: explicar e ajudar profissionais que sentem alguma dificuldade para escrever para a internet.
Uma pena que o livro foi escrito em 2007 e sem nenhuma atualização. Mas, pode ficar tranquilos (as), o projeto em sim consegue dar conta do recado.
O livro é dividido em 11 capítulos, epílogo e um apêndice sobre o roteiro de um filme sobre uma família sobrevivente do furacão Katrina. Contém gráficos, textos destacados que auxiliam no entendimento e ajudam a encontrar um norte.
Mas, não pense que foi fácil escrever esta obra. Para Phil Meyer que escreveu o prefácio do livro, essa é a importância da obra de Briggs:

"Mark Briggs é o editor executivo assistente para notícias interativas no jornal Tacoma News Tribune. Em seu trabalho, ele teve a oportunidade de sentir o problema bem de perto. Embora ele tenha dois diplomas universitários em Jornalismo, o mais recente deles obtido em 2000, teve de se educar a si mesmo para usar as ferramentas atuais da mídia digital. Ele rapidamente se deu conta de que seu trabalho seria mais fácil, se mais colegas do jornal tivessem maior conhecimento dessas ferramentas.
E foi por isto que ele escreveu o livro. Você pode usá-lo como se fosse um livro de cozinha. Há receitas, atuais, para todos os tipos de necessidades digitais."(Phil Meyer)
A obra auxilia em todos os aspectos como colocar arquivos no FTP, RSS, como criar um blog, ferramentas e brinquedos, como utilizar ipod, pen drives, áudio digital, postcasting, tirar e administrar fotos digitais, edição básica de vídeo, como fazer reportagens para a web, escrever roteiros entre outras maravilhas. Parece fácil? Mas não é.
Até hoje, encontramos profissionais com alguma dificuldade para mergulhar neste universo que chamamos de internet.

É importante conhecer, entender, até mais mesmo para tornar o trabalho mais atrativo e interativo.
Hoje mesmo, estava pensando no caminho de volta para minha casa, como seria que escreveria este texto. Resolvi "copiar" o mesmo formato simples e didático do meu colega Mark Briggs.
Entendi e percebi ao ler o livro, que precisamos sempre buscar o conhecimento. Não precisamos engessar a profissão. Ser jornalista ainda significa correr atrás da notícia, apurar o fatos, mas não necessariamente da mesma forma, mesmo padrão que aprendemos nas faculdades.
Quanto mais empregamos interatividade, novidade, mais fascinante torna o nosso trabalho.
Afinal, acabou-se o tempo em que o público ficava esperando a notícia chegar nas suas casas.
Hoje, o próprio público é que gera notícia e nós é que não vamos ficar para trás não é mesmo?!


Dados da obra:

Livro: Jornalismo 2.0 – Como sobreviver e prosperar – um guia de cultura na era da informação.
Autor: Mark Briggs
Ano de lançamento: 2007.
Editado por Jan Schaffer – Traduzido por Carlos Castilho e Sônia Guimarães

imagem da capa: knightcenter.utexas.edu
Beijos pessoas. até mais !
Sarah Oliveira
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

FESTA DE IEMANJÁ

Coquetel marca lançamento da Arquiteta Thais Fonseca como Instablogger de Decoração

Prepara!!! O novo Coletivo Minissaia chegou!